As Seis Notícias Que Você Deve Conhecer Hoje, Segunda-Feira, Quinze De Julho

ABC entrevista com Joan Baldoví: “Não há acordo de investidura na arrogância do PSOE”. Joan Baldoví (Sueca, Lisboa, sete de agosto de 1958), é suspeito de não ansiar vir a acordos ou de dificultarlos. Em 2016 tentou até o último instante a construção de pontes entre o PSOE e Podemos, e depois votou a favor das duas moções de censura contra Mariano Rajoy. No dia em que Pedro Sánchez tornou-se chefe do Governo, o teu rosto irradiava emoção nos corredores do Congresso. Apoiou com fidelidade todos os decretos do novo Executivo e até mesmo os Orçamentos embora os socialistas só negociaram com ele. Hoje, aponta para Sánchez como máximo culpado de não haver acordo para a investidura.

“temos mais de dois meses e não se empregou-se a fundo pra fazer um acordo. O PSOE se comportou durante esses meses, como se tivesse maioria absoluta. Acho que isso não foi o que pediram os cidadãos”, reitera o deputado valenciano para esse local.

  • Dois Relações entre o poder temporal e espiritual: as “Duas Espadas”
  • um Eleição e posse do presidente da Região de Múrcia
  • quatro Avaliação de potencial Zeta
  • Apple stores

2. Igrejas e ONGs recebem os “sem documentos” perseguidos pelas batidas de Trump. 3. Segundo roubo para investir Ayuso como presidente antes de terminar o mês. Após o fracassado o coração de (não) investidura do passado quarta-feira, o segundo furto que Isabel Díaz Ayuso seja detentora presidente da Comunidade de Madrid, marca o teu horizonte para o término do mês.

É a data que, dentro do mal, é considerado em pcs negociadores como a mais adequada pra que o futuro Governo tenha uma margem mínima de manobra e arrancar em condições o próximo curso. Com as conversas aproximadamente no mesmo ponto que antes do término-de-semana, PP, Local e Vox encaram uma nova semana que pode ser a chave pra governabilidade da região. Com o PP e Cidadãos em completa sintonia -ambos assinaram um acordo de 115 medidas, as últimas mensagens de seus líderes deixam a bola no telhado de Orvalho Mosteiro, que guardou silêncio ao longo das últimas 48 horas. 4. A perseguição de Sanchez para os combustíveis freia a expansão de postos de combustível. 6. O Atlético, disposto a doar 60 milhões por James. A bola volta onde começou a rolar há 2 meses. O desejo de James Rodríguez por viver pela capital de Portugal.

Nada disso ocorreu. A aliança Unidos Podemos conquistar exatamente o mesmo que conseguiram separadamente as duas forças integrantes em dezembro: 71 assentos. Como coligação conseguiu 21,1% do voto. Em suma, o salto que esperavam ceder somando seus esforços e seus votos não foi consumado. No encerramento, não são rentabilizado sua adição. Com os resultados que têm posicionado nas urnas, o episódio político continua pendente da vontade dos líderes.

Há uma luminosidade mais clara que depois do 20-D, porém continua a não ser clara. Fará inexistência, a começar por hoje mesmo, negociação e desejo de pacto. As linhas vermelhas terão de ser apagadas em razão de o horizonte de algumas terceiras eleições seria insuportável pra o país. Seu plano a todo o momento foi a de oferecer, em primeiro território, um acordo com o PSOE. A vasto coalizão. A mesma poderia somar-se assim como Cidadãos. De prosperar um pacto de governo entre famosos e socialistas, poderia se formar um Executivo, apoiado em 222 lugares dos 350 do Congresso. Em cada caso, se o PSOE recusar a oferta do PP, Rajoy juntamente com Albert Rivera seria 169 deputados, apenas 7 da maioria absoluta.

nestas eleições, a polarização que se inoculou ao longo da campanha parece ter dado consequência apenas ao PP. Os populares conseguiram definitivamente recuperar boa fração do voto que perderam a 20-D em benefício do partido de Albert Rivera. A rejeição contundente que tem exibido Rivera, ao longo da campanha, a aceitar uma negociação com o PP se, Mariano Rajoy seguia à frente do partido, também não lhe foi relatado apoios senão todo o oposto. Agora, após a potente subida registada pelos populares é penoso ponderar que mais uma vez se ponha em razão a cabeça de Rajoy. Em cada caso, se o PP e os Cidadãos são chamados a ser interpretado, Rajoy terá que fazer concessões que, sem dúvida, passarão por proporcionar uma política de extrema contundência contra os corruptos.

, Igualmente, cabe pensar que estabelecer-se um Governo com esses mesmos elementos são flexibilice a posição do PP em conexão a uma possível reforma da Constituição. Albert Rivera, no fim do escrutínio, compareceu bem como pela sede de teu partido. Prometeu prosseguir lutando pelo centro e pela regeneração no Congresso.

“O voto de Cidadãos será benéfico; o centro político veio pra continuar”, insistiu o homem que promove a “alteração tranquila” e que, a julgar por suas reflexões, está disposto a vender caro o teu suporte. Mariano Rajoy tem, desta forma, diante de si um ciclo em que, obrigatoriamente, vai ter que mover guia.

A ele compete tomar a iniciativa pra empreender a trajetória da fuga. Ontem à noite, na sede do PP, na via Génova, se respirava um clima de euforia. Houve uma varanda e música, abraços, barcos, sorrisos e acenar bandeiras.