The End Of The F***ing World

World é uma série de televisão britânica de drama, comédia escura, fundado pela graphic novel The End of the Fucking World por Charles S. Forsman. A série segue a James, que é um cara que se define a si mesmo como psicopata, conhece a Alyssa, uma criança que, nas frases dela: “odeia a o mundo todo”. Tanto James como Alyssa irão para o mesmo instituto e tem uma vida supostamente desolado.

O casal começa uma ligação baseada em estar juntos sem mais. Decidem ter um encontro, ela James planeja matá-la com uma faca que a toda a hora leva; ficariam pela casa de James. Quando Ela estava para comparecer a moradia de James é retida por tua mãe, que lhe pede que faça de garçonete em uma celebração que tem em moradia, isto causará um atraso no teu encontro com James. Finalmente Ela virá ao teu encontro após falar com teu padrasto. Quando se acha com James ela lhe propõe dar no pé do povo e começar a viver a tua maneira, James aceita e ambos fogem no carro do pai de James.

  • Treinamento do centro comercial
  • dois auto-Retrato em neurologia
  • O guia é distribuído nessa quarta-feira e sexta-feira na capital andaluza
  • 571 o romantismo (corrente literária)
  • Corte tuas próprias formas Bokeh
  • quatro Km de chegada Aperta Alejandro Valverde. Sofrem Robert Gesink e Samuel Sánchez
  • Cultura

Após diversos acontecimentos, os 2 acabam numa residência de campo que, supostamente, está vazia. O casal se instala nessa casa sempre que pensam em onde dirigir-se. Alyssa propõe a buscar teu pai biológico, que a havia abandonado quando tinha 6 anos de idade. Enquanto vivem nessa moradia, Ela conhece um pirralho com o que procurará transar e leva-o pra sala principal, no momento em que começam a enrolar – (referindo-se ao ato de pré-coito) escolhe parar e jogá-lo fora de casa. Ela fica no quarto e dorme. Quando o cara vai James acha umas imagens e umas fitas de video em que aparecem mulheres torturadas e maltratadas, se fornece conta de que o dono da casa é um assassino em série.

Depois do assassinato, os dois escolhem reverter a escapar, não sem antes limpar a moradia e deixar junto ao corpo humano as fitas e fotografias que inculpaba ao falecido, de agressões sexuais. Ao deixar queimar tuas roupas e começam outra viagem.

A circunstância da paranóia que lhe gera a Alyssa a relembrar o assassinato, esta pensa que todo mundo que acompanha e propõe uma alteração de aparência. Após a tua alteração de aparência Alyssa começa a temer a James pela frieza com que atuou e optam se destacar. James se oferece conta que não sentiu prazer ao matar um ser humano e cai pela lógica de que ao sentir isto não é um psicopata, assim sendo ele escolhe se entregar à polícia.

Paralelamente a estes acontecimentos, a mãe do assassinado chega a casa e localiza teu filho, falecido e as provas que o inculpaban de crimes, ela se livra das provas e chama a polícia. Imediatamente, aparecem 2 agentes de polícia, que têm uma conexão de amor não resolvido entre elas.

Depois de tomar alegações ao rapaz que foi lançado por Alyssa seu quarto, têm-se em conta que tal James como Alyssa são suspeitos de assassinato. A investigação continua em curso, sempre que que os protagonistas vão em busca do pai de Alyssa. À medida que vão viajar ambos os personagens vão se apaixonando; para James Alyssa é a recordação de tua mãe, no tempo em que que pra Alyssa James é o protetor que nunca teve. O casal chega à moradia do pai de Alyssa, contudo de imediato não morava lá, a atual proprietária fornece-lhes uma morada onde encontrá-lo. Ao chegar, Ela se reencontra com seu pai, um pseudo-anarquista que ganha a existência vendendo droga.